PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Festa dos Bixos em Santa Maria passará a ser realizada na Gare
20/01/2023 22:03 em noticias

Evento, que já tem data marcada, reuniu 32,9 mil pessoas em abril do ano passado na Praça Saturnino de Brito

A tradicional festa dos bixos da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), a Calourada, vai mudar de endereço. O evento de recepção a estudantes universitários, que era realizado na Praça Saturnino de Brito (Praça da Corsan ou do Brahma), passará a ser realizado na Gare da Viação Férrea. A Calourada Segura 2023, que ocorrerá de 20 a 23 de março, já será realizada no novo local.

Representantes da Prefeitura, de órgãos de segurança pública, do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGI-M), da UFSM e de entidades empresariais bateram o martelo na manhã desta sexta-feira (20) e anunciaram a mudança de endereço da Calourada Segura.

“Sabemos que toda mudança gera resistência. Por isso, precisamos ser assertivos para que essa troca de ambiente seja bem executada, de modo que seja possível construir um espaço atrativo aos nossos jovens, mas, que, acima de tudo, garanta a segurança no local e nas imediações da Gare”, disse o presidente do GGI-M e vice-prefeito, Rodrigo Decimo (União Brasil).

A partir do encontro desta sexta-feira, novas reuniões deverão ocorrer ao longo dos dois meses que vão anteceder a Calourada 2023.

O objetivo é que se aprimore ainda mais as estratégias de segurança, além de tratar de outros temas como a divulgação e a definição das atrações culturais que devem fazer parte da semana de festas. 

“Nós somos uma cidade acolhedora e temos que receber bem estes alunos que foram aprovados nas universidades. Em breve teremos a volta do vestibular da UFSM e esta comemoração, que é espontânea entre os estudantes, vai ser mais frequente. Eu pesquisei, não existe outra cidade no Estado que faça uma festa como a dos nossos calouros, por isso demos de planejá-la da melhor forma”, afirma o prefeito de Santa Maria, Jorge Pozzobom (PSDB).

A mudança de local também promete solucionar a perturbação do sossego público, muito questionada no período em que ocorrem as recepções dos calouros. O chefe de gabinete do reitor da UFSM, Eduardo Rizzatti, salientou o desejo em transformar o evento em algo do calendário santa-mariense, a partir do momento que a comunidade se aproprie da festividade e, assim, deixe de ser algo problemático. 

Debatido entre as autoridades presentes, deve ser viabilizada uma linha de ônibus específica da Saturnino à Gare, de modo que se evite a aglomeração na praça, e da Gare à Avenida Rio Branco.

A Calourada deve ter início a partir das 18h. Contudo, o horário de encerramento ainda será avaliado pela Guarda Municipal, Brigada Militar e demais órgãos de segurança.

Assim como já foi feito nas Calouradas anteriores, a Polícia Federal (PF) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) vão se envolver na operação. As forças de segurança contam com o apoio de videomonitoramento por meio de câmeras do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp), e com o bloqueio de algumas vias pela Secretaria de Mobilidade Urbana.

Na 8ª edição da Calourada Segura, de 12 a 15 de abril do ano passado, a festa reuniu cerca de 32,9 mil pessoas na Praça Saturnino de Brito, conforme dados da Prefeitura de Santa Maria.

Paralelo 29

COMENTÁRIOS
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE